uso racional


Racionalizar o uso da eletricidade reduz despesas com energia elétrica, assegura o conforto, preserva o meio ambiente e melhora a qualidade de vida. Apresentamos a seguir algumas dicas para você economizar energia elétrica e a utilizar de forma segura:​​

​​

Dicas de instalação

• Desconecte todos os eletrodomésticos das tomadas.
• Desligue toda a iluminação.
• Mantenha ligados os disjuntores, localizados no quadro de distribuição
• Verifique se o disco do medidor está girando.
• Caso o disco continue girando, pode estar havendo fuga de energia ou um defeito no medidor.
Para localizar a falha, desligue a chave ou disjuntor geral e aguarde 15 (quinze) minutos.
Se o disco do medidor parar de girar, há fuga de energia proveniente da instalação elétrica, consulte um profissional de instalações elétricas devidamente habilitado.
Se o disco do medidor não parar, o defeito pode ser no medidor. Entre em contato com a Loja Comercial indicada na sua conta de energia elétrica ou ligue para o telefone 0800-721-0123

 

 

 

Dicas de segurança

• Ao queimar um fusível, procure identificar a causa. Após solucionar o problema, substitua-o por outro de igual capacidade ou rearme o disjuntor. Nunca use arame, fios ou moedas no lugar dos fusíveis.
• Nunca use arame, fios ou moedas no lugar dos fusíveis.
​• Quando você for fazer algum reparo na instalação de sua casa, desligue os disjuntores ou a chave geral.
• Não ligue mais do que um aparelho na mesma tomada.
• Nunca mexa no interior do televisor, mesmo que ele esteja desligado.
• Ao trocar uma lâmpada, não toque na parte metálica.
• Não coloque facas, garfos ou qualquer objeto de metal dentro de aparelhos elétricos ligados.
• Fios mal isolados na instalação podem provocar incêndios, além de desperdício de energia elétrica

Dicas de iluminação

​• Apague sempre as lâmpadas que não estiver utilizando, salvo aquelas que contribuem para sua segurança.
• Evite acender lâmpadas durante o dia. Abra a janela e aproveite ao máximo a luz do dia.
• Sempre que possível utilize lâmpadas fluorescentes, que duram mais e gastam menos energia.
• Utilize somente lâmpadas de voltagem compatível com a rede local da concessionária.
​• Não pinte com cores escuras as paredes internas de sua casa, pois elas exigem lâmpadas mais potentes.
 

 

Dicas de uso no chuveiro

​​• Use o chuveiro, sempre que possível, na posição "Verão", pois assim você economiza cerca de 30% de energia.
• Limite seu tempo debaixo da água quente.
• Não tente aproveitar uma resistência queimada, pois isso acarretará aumento de consumo.

Dicas de uso do refrigerador e do freezer

​• O seu aparelho deve ser protegido dos raios solares e mantido o mais afastado possível do calor do fogão.
• Retire de uma só vez todos os alimentos que necessite.
• Os alimentos, quando quentes, não devem ser guardados no refrigerador ou no freezer.
• A borracha de vedação da porta deve estar sempre em bom estado, evitando a fuga de ar frio.
• Faça o degelo sempre que necessário.
• Regule o termostato adequadamente em estações frias do ano. Consulte o manual do fabricante.
• Não utilize a parte traseira do refrigerador para secar panos e roupas. Mantenha-o distante da parede, conforme instruções do manual (em média, 20 centímetros).
• Ao escolher um novo aparelho, leve em conta também as instruções da etiqueta laranja que indica o consumo médio mensal do refrigerador ou do freezer.

Dicas de uso de outros aparelhos

​Televisor
• Não deixe o televisor ligado sem necessidade. Evite dormir com o televisor ligado.
Ferro elétrico
• Habitue-se a acumular a maior quantidade possível de roupa, passando-as todas de uma só vez.
Condicionador de ar
• Mantenha as portas e janelas fechadas ao usar o condicionador de ar.
• Regule adequadamente o termostato, mantendo a temperatura desejada no ambiente.
Máquina de lavar e secadora
• Utilize a máquina de lavar e a secadora com suas capacidades máximas, conforme indicado pelo fabricante, evitando o desperdício de energia elétrica.

Dicas de uso de elevadores residenciais

Para economizar energia elétrica e evitar um maior acionamento dos elevadores residenciais, as recomendações são:

• Havendo dois elevadores no mesmo "hall" (um social e um de serviço), chame apenas um;
• Espere a porta da cabine abrir totalmente para depois abrir a porta do pavimento. Evite também se apoiar nas portas durante a viagem;
• Estude a possibilidade de desligar diariamente e de maneira alternada um dos elevadores no horário de menor movimento e menor utilização;
• Não sobrecarregar o elevador, respeitando o número máximo de passageiros indicado na cabine. Além da segurança, você vai evitar danos ou queima do motor;
• Havendo dois elevadores sociais no mesmo "hall", verifique a possibilidade para que eles trabalhem alternadamente, ou seja, um atendendo os andares pares e o outro atendendo os impares. Para subir um andar ou descer dois, procure utilizar as escadas.
• Ao faltar energia elétrica, tenha calma e não tente sair do elevador sozinho. Aguarde o retorno da energia elétrica ou a intervenção da assistência técnica do fabricante;
• Procure estar sempre informado através de comunicados em jornais e concessionárias sobre as "interrupções programadas" de energia elétrica. Essas interrupções acontecem para a realização de algum trabalho na rede de energia elétrica. O horário e a duração são pré-determinados. Recomendamos que todos os condôminos sejam alertados. Uma maneira de se evitar que as pessoas fiquem presas dentro do elevador no horário da "interrupções programadas" é chamar todos os elevadores para o andar térreo antes da interrupção, prender as portas e desligá-los até o retorno da energia elétrica.

 

Fique ligado no quanto você pode economizar

 

Uma atitude muito importante, que devemos sempre ter em mente, é a da economia de energia.

 

Estar alerta para algumas dicas que daremos adiante não custa nada, pelo contrário, pode ajudar a economizar na hora de pagar a conta no final do mês e, ainda, evitar uma situação desagradável como a falta de energia elétrica nas horas de pico.
O consumo de energia elétrica depende basicamente de dois fatores: a potência do aparelho utilizado e o respectivo tempo de utilização.

 

A potência de um eletrodoméstico
• Sempre representada em Watts cujo símbolo é a letra "W";

• Caracteriza a rapidez que este aparelho consome energia. Por exemplo, uma lâmpada de 100W consome mais energia que outra de 60W quando ligadas durante o mesmo tempo. Note como a potência dos eletrodomésticos, que você tem em casa, é bem variada.

Tempo de utilização do aparelho

• Trata-se do segundo item importante para conhecermos o consumo de energia elétrica. Obviamente, quanto mais tempo um aparelho ficar ligado, maior a energia consumida.

• Finalmente, para conhecermos o consumo dos eletrodomésticos, é necessário multiplicarmos o tempo de uso pela respectiva potência. Quanto maior o resultado dessa multiplicação, maior o consumo mensal.

• Outro aspecto que não pode ser esquecido é a tensão (110V ou 220V) que o aparelho deve ser ligado para que funcione de forma adequada.

 

Tabela de consumo de aparelhos

Confira abaixo a tabela com uma estimativa de consumo médio mensal de eletrodomésticos de acordo com um uso hipotético. ​